8.760 horas

Posted by Graciliano Santos | Posted in

Dia 30/03 é uma nova data histórica em minha vida. No dia 30/03/2012 eu e minha patroa botamos no papel nosso compromisso de compartilhar as alegrias e perrengues da vida. Não teve festa, cerimônia, nem nada disso, foi "surpresa". Fomos almoçar num restaurante perto do cartório e logo de emenda eu falei "vamos casar agora". Ela, de havaiana e bermuda, assustou mas foi mesmo assim e um ou dois dias depois mudamos para o que seria nosso primeiro lar. 

Desde então posso dizer que sou bem mais feliz, primeiro porque começamos a preparar o ambiente e a nós mesmos para chegada da nossa lindíssima e fofíssima Diana e segundo porque dei a sorte grande de ter uma companheira de verdade comigo e esse texto é basicamente minha forma de agradecer ao destino, a Deus, ao universo, ou ao nada absoluto que encerrará nossa existência assim que morrermos, por ter colocado essas mulheres muito massas mesmo em minha vida. (para os incultos, "muito massa mesmo" é a expressão máxima para elogiar algo ou alguém)

Tenho vários elogios para minha Mada, mas prefiro citar um dos fatos que foram muito significativos para mim nesse um ano. Lembro bem um dia que estava saindo para trabalhar depois do almoço e estava passando um clipe dessas bandas emo-rock escrotinhas na TV. Eu tava na pilha de me arrumar e sair e ela estava em processos amamentatórios e não estavamos prestando atenção, mas eu olhei rapidamente para o videoclipe e falei: "Que bando de bicha!" e ela respondeu:"Né?", depois saí e fui continuar meus expedientes de trabalho. Ok, parece ser algo tão ínfimo e irrelevante para ser citado numa declaração de amor, mas esse simples e natural gesto de concordância com minha afirmação musicalmente preconceituosa foi uma das demonstrações dessa nossa afinação de pensamentos e atitudes dificílima de achar (principalmente quando buscamos uma mulher linda, esperta, inteligente e que tenha os mesmos preconceitos musicais hehehe) e que me colocou um sorrisão do rosto o resto do dia.

E venho descobrindo que o que define uma boa relação, considerando todas as vertentes relacionamentais mas considerando o casamento como mais "intensa" entre elas, é a consciência de que a prática do amor é constante e muito recompensadora, a capacidade de se entender (investir energia em sentar a bunda e conversar/discutir sobre as divergências e convergências de pensamentos) e buscar perceber esses pequenos detalhes dos fatos cotidianos (dizem que Deus está nos detalhes) que só comprovam que, no meu caso, estou com uma pessoa que chegou para contribuir em todos os sentidos para que minha vida se torne mais feliz e completa.

Amo-lás demais e feliz aniversário para nós.


Comments (1)

Te Amo muito! Sou feliz demais por ter vc e Diana em minha vida...

Postar um comentário