mushin no shin

Posted by Graciliano Santos | Posted in ,


Uma das sensações que guardo com maior prazer é a de poder parar um pouco para descansar no meio de um dia pesado de trabalho na floresta. Tomar uns bons goles de água gelada para aliviar o calor, ficar em silêncio sem prestar atenção em nada específico e saber que ainda tem muito trabalho pela frente. Era uma ótima combinação da leveza do descanso e a tranquilidade de que estava fazendo o que precisava ser feito.

Esses dias essa sensação me revisitou, mesmo nessa rotina frenética e cansativa da vida urbana. Muito bom poder me sentir naquele momento bem simples e introspectivo novamente, me fez avaliar e compreender mais claramente aonde estou descansando nesse eterno dia de trabalho e tudo que venho fazendo nesse percurso. E nesses transes espaçados e bem contemplativos, compreendi um pouco melhor as atuais conseqüências de minhas escolhas, ficando muito feliz por me encontrar aonde estou.

Sei que existem muitas formas de passar por algo semelhante a isso, mas recomendo fortemente uma caminhada na floresta num dia bem ensolarado, com uma bela pausa perto de um igarapé bem gelado pra descansar os pés e molhar o rosto antes de continuar, é uma experiência ímpar.

Comments (0)

Postar um comentário