Que assim seja

Posted by Graciliano Santos | Posted in ,

1

Com o pôr do sol
E o brotar da escuridão
Os acontecimentos que correm
Longe de meu curto olhar
Me imergem na espera
De que o melhor aconteça
Sem fazer idéia
Do que "o melhor" possa ser

Que Deus seja misericordioso com todos nós

Recife

Posted by Graciliano Santos | Posted in

1





Recife velha de guerra
Minha alegria é te reencontrar 
Mesmo que ligeiro
E te ver com o amor de pernambucano
Mas com olhar de um estrangeiro
Essas pequenas doses de ti
Me preenchem por inteiro

Dois, Zero e Doze

Posted by Graciliano Santos | Posted in

1


E o laço eterno se refez no amor
No suave suspiro, na alegre saudade
Gentis lembranças de tempos
Que já havia esquecido.

Senti o momento se romper
E com ele, a mortalha
Feita de antigos segredos
Costurada com meu sangue e meus medos.

Mas o Sol brilha para nós
E a chuva, acalma e refresca
Quem pode negar, diante de tanta beleza
Tanta vida pulsando no universo
Que seremos felizes para sempre?

1

Minha voz
Minhas palavras
Tudo se inibe e se curva
Diante de ti
E só meu olhar
E meu tolo sorriso
Conseguem esboçar
Todo o sentimento
E toda alegria
Que agora dominam
Meu peito que arde
Dessa vontade
E enorme saudade
De te ter.