Destino

Posted by Graciliano Santos | Posted in

0

Hoje olhei o mundo
Com os olhos do tempo
Distantes, verdadeiros
Cansados e cinzentos
Com estes olhos vi
Até onde irão meu sonhos
Onde acabam minhas alegrias
Quando se findam os amores
E quando eu não mais existia.
Mas dei só uma piscadela
Olhei pra trás e para frente
Um passo pra trás da janela
E tudo ficou diferente.
E entendi que na vida
Por mais que olhemos pra frente
Sigamos a mesma formula
Um suspiro descompassado
Meio pensar diferente
E tudo estará mudado
Pode dar certo ou errado
Vai de quanto você tente.

"Um passo pra frente e você não está mais no mesmo lugar." - Chico Science

Zelo

Posted by Graciliano Santos | Posted in

0

Observo de longe
Escuto de perto
Enxergo o detalhe
Com rabo de olho
E cada dia que passa
Me preocupo mais
Com  o que parece
Estar por vir
Por aí

A quentchura da Amazônia

Posted by Graciliano Santos | Posted in

3

Toda a quentura de Manaus
O mormaço de Belém
Sol a pino em Macapá
Tudo isso me cai bem


Mas a tal da malaria
E uma muriçoca diminuta
Me deixaram cuma quentura
Por demais filha da puta


Minha draga aposentou
Minha cuca tava em chama
Até visage me visitou
Semana tremendo na cama


Bendita seja a medicina
Pras doença tropical
Pois apesar do figo podre
Agora, já tou legal